HCELZAMONNERAT

HCELZAMONNERAT

  • REF. HCB11137BK
  • Disponibilidade: Até 2 dias Úteis
  • R$ 449,00

    R$ 449.00
  • 6x de R$ 74,83 sem juros
Companheira Custódia Machado de Barros: sempre é aquilo que você precisa que ela seja. Espaçosa e estruturada sem perder o estilo, ideal para ser usado na cidade ou no interior podendo até mesmo ser usada em ocasiões especiais.
1x de R$ 449,00 sem juros
2x de R$ 224,50 sem juros
3x de R$ 149,67 sem juros
4x de R$ 112,25 sem juros
5x de R$ 89,80 sem juros
6x de R$ 74,83 sem juros
7x de R$ 73,44 com juros
8x de R$ 65,06 com juros
9x de R$ 58,54 com juros
10x de R$ 53,33 com juros
11x de R$ 49,07 com juros
12x de R$ 45,51 com juros

DETALHES DO PRODUTO

Companheira HCELZAMONNERAT: sempre é aquilo que você precisa que ela seja. Espaçosa e utilitária sem perder o estilo, ideal para ser usado na cidade ou no interior podendo até mesmo ser usada em ocasiões especiais.


37.0 x 26.0 x 13.0 cm 
(Comprimento x Altura x Profundidade) 

- Espaço interno reprojetado com detalhes dos arquivos da House of Caju
- Bolso interno com forro em tecido
- Acabamento em couro da cor Preto
- Peças metálicas personalizadas

- Código exclusivo dessa companheira: HC00440


A história por trás do nome dessa companheira:

;'Elza Monnerat, filha de imigrantes suíços. Em 1945, com o fim do Estado Novo, toma parte na campanha pela anistia dos presos políticos, entrando em Seguida para o Partido Comunista Brasileiro (PCB), posteriormente, juntou-se com um grupo de dissidentes do partido, criando o Partido Comunista do Brasil (PCdoB), parte para a região do Araguaia, onde permaneceu até 1972, segue para São Paulo, onde é presa em 16 de Dezembro de 1976, sendo beneficiada pela Lei da Anistia, em 1979. Morreu no dia 11 de agosto de 2004, de causas naturais aos 91 anos.'


AVALIAÇÕES

Não há avaliações para este produto.

Tags: bolsas em couro